Destaque

Stingray Premium na NOS



Mostre a primeira mensagem

30 Comentários

Reputação 5
Crachá +2

Olá @Armindo Mateus,

Para ter acesso ao canal, terá de subscrever o serviço Stingray Premium.

 

Se dessem acesso ao portofolio completo da stingray ainda considerava aderir, pois tem vários canais alem do concerts:

Stingray clássica, Stingray djazz e Stingray Brava.

Agora pagar para var o mesmo que via não obrigado. :rage::rage::rage:

A MEO tem o iconcerts,  djazz, brava, loud... A Vodafone o Brava,  Djazz e o Ambiance...A Nowo nenhum  e a NOS apenas o iconcerts.  Na Vodafone os Canais Stingray ainda estão no Pack TV PLUS onde tem o SyFy HD, Mezzo, MCM Pop, CNN, RTL, Baby TV... etc... É uma injustiça. 

Esqueci de mencionar o C Music da Vodafone em aberto 

Precisamente! 

Os clientes NOS parecem ser secundarizados relativamente aos das restantes operadoras, no que respeita a canais de Música Clássica e Jazz.

Para assistirmos a estes conteúdos apenas podemos contar com o Mezzo e o Mezzo LiveHD, enquanto as demais operadoras, para além destes dois canais (muito repetitivos, entre si, aliás e com som e imagem, não raro deploráveis), disponibilizam vários canais Stingray, contemplando as várias preferencias musicais.

Destaque para os canais “Stingray Classica” e “Stingrey dJazz”, os quais têm uma qualidade superlativa de imagem e de som. Mas, os clientes da NOS, não podem contar com mais estes canais.

Por mim, resolvi a questão: como a minha Android TV fiz uma assinatura da maravihosa Qwest TV (Clássica, Jazz, Pop, World Music), por menos de 5€ mensais: uma qualidade de imagem e de som absolutamente soberbos.

  

Reputação 7
Crachá +2

Olá @Horácio Pena,

Obrigada por partilhar a sua sugestão connosco e como encontrou uma solução.

Se surgirem novidades sobre novos canais de música, divulgamos aqui.

Obrigada

Olá @Horácio Pena,

Obrigada por partilhar a sua sugestão connosco e como encontrou uma solução.

Se surgirem novidades sobre novos canais de música, divulgamos aqui.

Obrigada

Encontrei uma solução, de facto. Penso, contudo que a NOS podia ser mais atrativa e inovadora, em termos de introdção de canais. Mas, na verdade, o futuro está mesmo na assinatura direta, apenas dos canais de televisão que queremos ver e de que gostamos, obviamente à margem da empresas de telecomunicações comuns. Dos mais de cem canais, cujo sinal é comercializado pelas operadoras portuguesas, só se aproveitará uma dezena e, bem espremida.

 

Reputação 7
Crachá +2

Obrigada mais uma vez pela sua sugestão @Horácio Pena.

Tentamos que a nossa oferta de canais e serviços seja diversificada. 

Caso surjam novidades partilhamos por aqui. :relaxed:

 

Comentário