SAGEMCOM F@ST 5667 - modo bridge


Caros Senhores,

SAGEMCOM F@ST 5657, modo de bridge completamente estoirado. Passo a descrever:

  1. Dado a recente epedemia de COVID 19, não são apenas os colaboradores da NOS que sofrem com as diversas alterações que surgiram. Eu, cliente da NÓS também tenho que trabalhar remotamente, e algum do software que tenho que utilizar não lida bem com double NAT e protocolos UDP. Como tal tenho a necessidade de utilizar o modo de bridge e ligar um equipamento meu (que funciona lindamente).

Gostaria de fornecer a seguinte informação:

  1. É necessário um hard reset (vulgo, reset de fábrica) para desligar o modo de bridge e/ou recuperar a funcionalidade do modem quando acontecem os ‘fenómenos’ abaixo descritos;
  2. Após um hard reset, qualquer dispositivo ligado em modo de bridge perde a conectividade após aproximadamente 1 hora, seja um portátil, um desktop, uma playstation, um router, etc. Testado com todos esses dispositivos. Portanto, o problema claramente não é dos dispositivos, a não ser que possam fornecer provas empiricas de que todos os meus dispositivos nao funcionam correctamente!
  3. Após o descrito no ponto b, é necessário um hard reset para voltar a ter conectividade, e passado 1 hora voltamos ao mesmo.
  4. Testado (bridge mode) nos portos LAN1, LAN2, LAN3 e LAN4; Todos apresentam o mesmo problema com todos os dispositivos identificados em b.

Existe um problema grave com este equipamento, e/ou com os serviços por detrás na vossa rede (ex: DHCP Daemons?) que nao permitem a renovaçao dos leases. 

 

Eu gostaria de ver este problema ultrapassado em tempo útil com vista a evitar:

  1. denuncia à ANACOM;
  2. pedido de impugnaçao de contracto a um juiz com vista a denunciar o contrato com a NOS por justa causa;

Eu tenho uma lista extensa com todas a quebras de serviço através de uma sonda ICMP que corre a cada 10 segundos a partir de um servidor que tenho em Varsóvia. Não é dificil replicar ou provar que existe um grave problema.

Também não é dificil provar que contactar a NOS é extremamente complicado para resolver o problema e que somos redirecionados para um third party que não ajuda em nada. É incompreensivel que este assunto nao tenha sido escalado internamente para quem de direito possa apurar a causa (garantidamente devem ter aí algum ITIL que foca em ‘root cause’ ?) e resolver um problema que tem impacto directo na vida dos vossos clientes que necessitam de um serviço de internet para poderem executar o trabalho remotamente.

Deixo apenas uma nota caso tenha passado despercebido: double NAT com protocolos UDP nao é uma soluçao pelo que modo DMZ é inutil. É necessário modo bridge.

Temos solução para este problema quando ?


22 Comentários

Reputação 7
Crachá +2

Isto apenas será reportado á NOS através do 16991 a pcmedic. a tal third party.  são eles que tem de criar o relatório. O apoio a cliente nem entende do que está a falar nem existe hipótese de remeter isso internamente.

Foi remitido à PC MEDIC; Já tirei também nota deste post, e de um aqui deste forum para anexar à minha reclamação à ANACOM.

Fiquei particularmente interessado neste frase: “nem existe hipótese de remeter isso internamente.”. Para a semana vou investigar essa parte ;)

Obrigado.

Reputação 7
Crachá +2

Dê feedback

Reputação 6
Crachá +1

Também gostava de seguir este tópico, porque existem problemas técnicos no router que não são resolvidos ou existem mesmo devido às limitações impostas pela NOS, estando várias características dos routers desativadas.

Reputação 7
Crachá +6

Olá a @ketheriel, @Guimas e @Renato Gomes

@ketheriel, pedimos desculpa pela demora, :sweat:

Para que nos seja possível ajudar, pedimos que nos envie uma mensagem privada com o seu número de cliente NOS para o @Fórum, por favor. 

Obrigada 

Para que nos seja possível ajudar, pedimos que nos envie uma mensagem privada com o seu número de cliente NOS para o @Fórum, por favor.  

 

Boa tarde Ana,

Enviei a informação como solicitado; Aproveito para solicitar uma informação adicional caso seja possível:

  1. na sequência do que reportei à PCMedic (a chamada foi abaixo no final e já nao consegui contactá-los mais, ninguem atendeu a chamada a seguir); o que é suposto acontecer? Vou ser contactado por alguém da NOS ?

Aproveito também para dar uma informação adicional que considero importante, como replicar o problema identificado em cima:

  1. Ligar para a PC Medic e pedir instruções como activar o modo bridge do equipamento;
  2. Activar o modo de bridge como indicado pelos técnicos da PC Medic;
  3. Aguardar cerca entre 1 hora a hora e meia até ao lease do DHCP acontecer;
  4. Verificar a perda de internet;

Nesta altura acedendo ao interface do SAGEMCOM em questão (identificado no assunto do post), selecionar as opções GENERAL e selecionar a aba ‘ARP’… Vai encontrar a informação associada ao dispositivo na interface em modo de bridge identificada por ethX (onde X é o valor da interface ethernet) com as flags ‘INCOMPLETE’.

Alguém da equipa de operações me vai contactar? Ou melhor alguém me vai contactar (seja de que departamento for) com uma estimativa de quando o problema estará resolvido ?

Desde já peço desculpa pela sinceridade, mas começo a ficar um pouco ‘farto’ do jogo do gato e rato e da falta de comunicações. Estou apenas à espera da proxima factura para anexar como documentação às reclamações que vou enviar (NOS, ANACOM); No fundo os dados da factura vão comprovar os custos que tive e a ineficacia da vossa assistencia, que aparentemente não consegue escalar um problema desta gravidade (muito facil de comprovar) para uma resolução atempada.

 

E desde já o meu sincero agradecimento por tentar ajudar.

Reputação 5
Crachá +1

Olá @ketheriel,

Recebemos a sua mensagem. Vamos responder-lhe logo que possível.

Obrigada

Reputação 7
Crachá +2

A NOS não liga. A pcmedic é que tem de chegar a uma conclusão e se acharem que é da NOS eles falam com a NOS enquanto o senhor aguarda em linha.

A NOS não liga. A pcmedic é que tem de chegar a uma conclusão e se acharem que é da NOS eles falam com a NOS enquanto o senhor aguarda em linha.

O Decreto Lei 134/2009 (2 Junho) define que não podem por em espera um cliente por mais de 60 segundos; Não é só a NOS que faz gravações.

Segundo a PCMEDIC, a questão já foi escalada para a NOS. A única coisa que a PCMEDIC fez foi pedir-me um reset de fábrica seguido de instruções como configurar o modo bridge… 

O pcap que tenho (captura de tráfego) é muito mais elucidativo que a PC MEDIC ;) 

 

 

 

A NOS não liga. A pcmedic é que tem de chegar a uma conclusão e se acharem que é da NOS eles falam com a NOS enquanto o senhor aguarda em linha.

Liguei para a linha para esclarecer esta situação, aparentemente, segundo me foi comunicado pela PC MEDIC, a situação foi escalada e a NOS vai-me contactar. Como sempre gravei a chamada ;)

 

Um pouco de mau gosto dizer ‘A NOS não liga.’ aparentemente o processo segue de outra forma. 

Reputação 7
Crachá +2

Lamento então mas é a informação que tenho, pode estar errada. obrigado pelo feedback, aguardemos o contacto.

Lamento então mas é a informação que tenho, pode estar errada. obrigado pelo feedback, aguardemos o contacto.

 

Tranquilo. Tudo se resolve… O contacto de retorno por parte da NOS pode até não chegar alusivo a este processo, mas em Dezembro quando cancelar todos os serviços empresariais da NOS, eu tenho a certeza que vou ser contactado :) Foi uma boa altura para acontecer este problema, a menos de 2 meses de a minha assinatura ser precisa para renovar outros contratos muito mais interessantes para a NOS. Como dizia um amigo meu, ‘Deus perdoa, eu não’.

Lamento então mas é a informação que tenho, pode estar errada. obrigado pelo feedback, aguardemos o contacto.

Guimas, afinal sempre chegou o contacto da NOS, parece que ligam mesmo aos clientes de volta :)

Está confirmado isso, e confirmada que o Router 5.0 tem um problema em todas as unidades ;) Agora só falta a NOS por a mesma determinaçao que pos em contactar-me junto de quem de direito tem que resolver o problema do equipamento em questão e mandarem um update de firmware para fazer o milagre.

Entramos agora na proxima etapa que é trocar este equipamento por outro equipamento mais antigo e pedir o credito do dinheiro que gastei em chamadas inuteis (parece que o meu diagnostico inicial estava correcto) em factura.

 

Ora viva,

A minha situação é em tudo igual à relatada pelo @ketheriel .

Na quarta feira (dia 14) trocaram-me o Router HITRON modelo GVE39320_SIP e o ONT HUAWEI H8012H que eu tinha a funcionar sem problemas desde que mudei para a NOS (há alguns anos), pelo Router SAGECOM  FAST 5657 (com o firmware SGDc10000061) e 1 hora depois do  técnico sair começaram os problemas (pesadelo) com os meus equipamentos ligados na Bridge.

No meu caso, após um período de menos de 1 hora a algumas horas, o router que tenho ligado em bridge deixa de ter acesso à Internet.

Também já testei com um portátil directamente ligado na porta 4 (em bridge) e só funcionou mais ou menos 1 hora, e depois deixou de renovar o endereço público IPv4, só restando a solução de reiniciar o SAGECOM.

Em suma, fiquei sem a estabilidade necessária para ter os meus equipamentos ligados via bridge.

Assim sendo, será que a NOS tem uma versão mais recente de firmware que corrija este problema, ou terei de pedir para regredir para os equipamentos originais (ou outras alternativas mais extremas)?

Ora viva,

A minha situação é em tudo igual à relatada pelo @ketheriel .

Na quarta feira (dia 14) trocaram-me o Router HITRON modelo GVE39320_SIP e o ONT HUAWEI H8012H que eu tinha a funcionar sem problemas desde que mudei para a NOS (há alguns anos), pelo Router SAGECOM  FAST 5657 (com o firmware SGDc10000061) e 1 hora depois do  técnico sair começaram os problemas (pesadelo) com os meus equipamentos ligados na Bridge.

No meu caso, após um período de menos de 1 hora a algumas horas, o router que tenho ligado em bridge deixa de ter acesso à Internet.

Também já testei com um portátil directamente ligado na porta 4 (em bridge) e só funcionou mais ou menos 1 hora, e depois deixou de renovar o endereço público IPv4, só restando a solução de reiniciar o SAGECOM.

Em suma, fiquei sem a estabilidade necessária para ter os meus equipamentos ligados via bridge.

Assim sendo, será que a NOS tem uma versão mais recente de firmware que corrija este problema, ou terei de pedir para regredir para os equipamentos originais (ou outras alternativas mais extremas)?

Ora viva,

Eu vou-te poupar uma dose de sofrimento e vou-te pedir para veres mais tarde a mensagem privada que te vou enviar que inclui o numero de incidente interno da NOS alusivo a este problema, e vou-te explicar o que se passa aqui (visto que não assinei em ponto nenhum um acordo de confidencialidade).

O que passa é que o modem/router em questão (conhecido internamente na NOS como ‘router 5.0’) tem um problema e de tempos a tempos (suposição minha, quando renova o lease de DHCP) perde/apaga as ‘configurações avançadas’ (termo utilizado pelo técnico da NOS). Na minha perspectiva de filisteu ignorante (apesar de 25 anos de experiencia como administrador de sistemas), o router 5.0 perde a default route para o equipamento em bridge.

Isto é um problema reconhecido via telefone pelo técnico da NOS, acontece em todos os Router 5.0; a solução que solicitei no meu caso foi pedir o downgrade do equipamento para o router 4.0 (seja lá o que isso for), e solicitei o downgrade do equipamento porque a NOS não tem estimativa de quanto tempo pode demorar a resolver esta questão, pode ser 1 semana, 1 mes, 1 ano, nunca.

Isto é um problema que qualquer cliente com um router 5.0 é vitima, nao há forma de resolver a nao ser por um update de firmware ou downgrade do equipamento.

O mais interessante é que o departamento tecnico da NOS comigo ao telefone, prestou-se para me trocar por modem igual. Protestei de imediato e mentalmente pus logo em causa a capacidade técnica destes tipos. Espero que nao me chegue às maos nenhum curriculo no futuro que involva NOS, porque vai logo para o lixo. Estes tipos são do mais lerdo que existe à face da terra. Como solicitei o downgrade… disse-me o fulano (que me trocava o router 5.0 por outro igual) que tinha que contactar o departamento comercial porque eles é que podem fazer isso.

Liguei para o departamento comercial, puseram-me em espera, 10 minutos depois desligam a chamada. Ligo segunda vez, poem-me em espera… Ao fim de 40 minutos em espera, pego no telefone fixo e faço segunda chamada, e explico à pessoa que atende que o Decreto Lei 134/2009 (2 Junho) é explicito que nao podem por um cliente em espera por mais de 60 SEGUNDOS, e que devem devolver a chamada. Peço para falar com o supervisor… mais uma vez fico à espera….

Perto de estar a espera há 55 minutos na chamada original atende-me o bacano que me pos em espera, a informar que me vao trocar o router por 4.0 mas que nao consegue agendar a intervençao, pelo que me vao ligar mais tarde. Continuo à espera dessa chamada :) Segunda Feira volto à carga para cima deles. Se ate sexta feira nao estiver o problema resolvido, vou pedir a resolução do contracto por justa causa e vou fornecer os registos das chamadas como prova de que nada foi feito para resolverem a minha situação, assim como as facturas que vao incluir o preço escandaloso que vou pagar pelas chamadas como prova de que agi de boa fé SEMPRE. Inclusive aceitei downgrade do equipamento. Tenho também duas chamadas para serviço comercial que foram redirecionadas para o serviço tecnico que assegurou que o modo bridge era suportado.

Portanto meu caro, desejo-lhe a melhor das sortes em relação ao que optar fazer no futuro ;)

Porque se for vitima de um processo turbolento como o meu… vai suar um bocadinho, perder a calma, e por em causa a sanidade mental no momento em que optou pela NOS como operador.

Isto vai tudo parar à ANACOM. A unica coisa que neste momento tenho algumas duvidas é se o call center que a NOS utiliza anda metido em esquemas marados para sacar dinheiro aos clientes da NOS pondo-os num loop que nao leva a resoluçao alguma, apenas a facturaçao exorbitante… ou se sao mesmo lerdos de todos com um pinguinho de incompetencia à mistura e falta de processos que permitam a resoluçao dos problemas dos clientes de forma eficaz. Preocuparem-se com os clientes, nao preocupam, isso é certo senao nao tinha feito esta viagem alucinante ao purgatório.

 

Veja a mensagem privada ;)

 

Melhores cumprimentos,

 

Caros Senhores,

SAGEMCOM F@ST 5657, modo de bridge completamente estoirado. Passo a descrever:

  1. Dado a recente epedemia de COVID 19, não são apenas os colaboradores da NOS que sofrem com as diversas alterações que surgiram. Eu, cliente da NÓS também tenho que trabalhar remotamente, e algum do software que tenho que utilizar não lida bem com double NAT e protocolos UDP. Como tal tenho a necessidade de utilizar o modo de bridge e ligar um equipamento meu (que funciona lindamente).

Gostaria de fornecer a seguinte informação:

  1. É necessário um hard reset (vulgo, reset de fábrica) para desligar o modo de bridge e/ou recuperar a funcionalidade do modem quando acontecem os ‘fenómenos’ abaixo descritos;
  2. Após um hard reset, qualquer dispositivo ligado em modo de bridge perde a conectividade após aproximadamente 1 hora, seja um portátil, um desktop, uma playstation, um router, etc. Testado com todos esses dispositivos. Portanto, o problema claramente não é dos dispositivos, a não ser que possam fornecer provas empiricas de que todos os meus dispositivos nao funcionam correctamente!
  3. Após o descrito no ponto b, é necessário um hard reset para voltar a ter conectividade, e passado 1 hora voltamos ao mesmo.
  4. Testado (bridge mode) nos portos LAN1, LAN2, LAN3 e LAN4; Todos apresentam o mesmo problema com todos os dispositivos identificados em b.

Existe um problema grave com este equipamento, e/ou com os serviços por detrás na vossa rede (ex: DHCP Daemons?) que nao permitem a renovaçao dos leases. 

 

Eu gostaria de ver este problema ultrapassado em tempo útil com vista a evitar:

  1. denuncia à ANACOM;
  2. pedido de impugnaçao de contracto a um juiz com vista a denunciar o contrato com a NOS por justa causa;

Eu tenho uma lista extensa com todas a quebras de serviço através de uma sonda ICMP que corre a cada 10 segundos a partir de um servidor que tenho em Varsóvia. Não é dificil replicar ou provar que existe um grave problema.

Também não é dificil provar que contactar a NOS é extremamente complicado para resolver o problema e que somos redirecionados para um third party que não ajuda em nada. É incompreensivel que este assunto nao tenha sido escalado internamente para quem de direito possa apurar a causa (garantidamente devem ter aí algum ITIL que foca em ‘root cause’ ?) e resolver um problema que tem impacto directo na vida dos vossos clientes que necessitam de um serviço de internet para poderem executar o trabalho remotamente.

Deixo apenas uma nota caso tenha passado despercebido: double NAT com protocolos UDP nao é uma soluçao pelo que modo DMZ é inutil. É necessário modo bridge.

Temos solução para este problema quando ?

 

Este foi o meu tópico também aqui no fórum.  A ver no que dá...

 

Para quando é que há uma actualização de firmware de modo que seja possível uma ligação estável em Brigde Mode no Sagemcom Fast 5657???

Escolhi propositadamente a NOS em detrimento de outro operador pois sempre tive ligação em modo bridge com os equipamentos da NOS, assim sendo vou denunciar o contrato.

Isto nos dias de hoje é só ridículo vindo de um operador ISP

 

GM
 

Só me trocam o equipamento para o Router 4 (de notar que sou cliente novo, pelo que nunca tive outro equipamento anteriormente) dia 3 de Novembro. Ou seja, basicamente, perto de 50€ em chamadas inuteis, algumas delas com mais de 50 minutos em linha à espera, cheguei a ter 6 operadores diferentes na mesma chamada (aparentemente falo chinês, ou metem pessoas ao telefone sem uma noção do que é um modo de bridge, um DHCP ou um NAT)….

Já tive NOWO, tinha falhas no sinal RF, a nivel de equipamentos nunca tive problema. Se precisasse de algo, ligava e levantava o equipamento na loja. Bridge sempre funcionou bem.

Tive Fibra SAPO em Lisboa, modo bridge, 0 problemas. Vodafone em casa do meu irmão, zero problemas. Na minha casa de férias em Braga, tenho MEO, zero problemas….

A NOS e NOWO/Cabovisao foram as unicas fontes de problemas que tive…

Eu optei pelo downgrade do equipamento para o Router 4.0 que aparentemente nao tem este problema. Se tiver, é um simples ‘Adios muchachos’ e peço resolução do contracto e mudo para a Vodafone. Em Janeiro, os contractos de telecomunicações da empresa onde trabalho fazem a mesma viagem e passam para a Vodafone, apenas porque posso tomar essa decisão. 

É incompreensivel demorarem 1 mês (isto se realmente aparecerem dia 3 de Novembro) para confirmar a falha no equipamento deles, autorizar a troca de equipamento e trocarem efectivamente o equipamento. Devem pensar que estão em Angola :)

Na  quarta feira dia 28 era suposto virem repor o equipamento na parte da manha , isto segundo informação que obtive na segunda -feira dia 26 na loja ,  pois imaginem que nada ...   fui novamente a loja na parte da tarde onde me informaram que tinha sido cancelada a reposição do equipamento e que estavam com problemas no sistema .

Agora teria que ser eu a ligar para o apoio técnico para me resolverem esta trapalhada , disse que nem pensar em ter que pagar chamadas .

Então a funcionaria  meteu o meu numero de telemóvel no sistema  ( que supostamente não estava a funcionar ) e milagrosamente  fiquei com possibilidade de ligar gratuitamente durante 7 dias para o apoio técnico.

Acabei por ligar  e como já era de esperar, quase 2 horas a passar de operador em operador e a explicar tudo novamente a ultima confirmou que estava  agendado para dia 26  e não dia 28 a troca de equipamento e que não percebia porque teriam cancelado, assegurou-me que dentro de 3 dias úteis iriam me contactar para agendar a troca.

Eu disse que seria a ultima oportunidade,  e se até segunda-feira dia 2 de Novembro  não me resolverem esta situação  vou mudar para outro operador.

 

Na  quarta feira dia 28 era suposto virem repor o equipamento na parte da manha , isto segundo informação que obtive na segunda -feira dia 26 na loja ,  pois imaginem que nada ...   fui novamente a loja na parte da tarde onde me informaram que tinha sido cancelada a reposição do equipamento e que estavam com problemas no sistema .

Agora teria que ser eu a ligar para o apoio técnico para me resolverem esta trapalhada , disse que nem pensar em ter que pagar chamadas .

Então a funcionaria  meteu o meu numero de telemóvel no sistema  ( que supostamente não estava a funcionar ) e milagrosamente  fiquei com possibilidade de ligar gratuitamente durante 7 dias para o apoio técnico.

Acabei por ligar  e como já era de esperar, quase 2 horas a passar de operador em operador e a explicar tudo novamente a ultima confirmou que estava  agendado para dia 26  e não dia 28 a troca de equipamento e que não percebia porque teriam cancelado, assegurou-me que dentro de 3 dias úteis iriam me contactar para agendar a troca.

Eu disse que seria a ultima oportunidade,  e se até segunda-feira dia 2 de Novembro  não me resolverem esta situação  vou mudar para outro operador.

 

 

O problema no Router 5.0 ja está resolvido com o upgrade de firmware que fizeram a semana passada.

Reputação 7
Crachá +6

Olá a todos, 

@ketheriel e @Helder Silva, desde já, lamentamos todo o transtorno causado. :sweat:
Pedimos que nos envie novamente uma mensagem privada para o @Fórum, para que nos seja possível ajudar da melhor forma, por favor. 

Obrigada 

Boa noite, quero confirmar que o problema do modo Bridge  está resolvido , tenho o meu Router  a funcionar a 10 dias sem problemas.

O upgrade  de firmware  SGDc10000061para a versão  SGDc10000077  deu resultado.

 

 

Reputação 5
Crachá +1

Olá @Helder Silva,

Obrigada por partilhar com a comunidade o seu feedback. :relaxed:

 

Comentário