Header

BURLA - PANDEMIA


Data: 21/3/202

Dirigido a NOS– Empresa de comunicações

O meu nome é Ana Paula Gomes Santos, NIF xxxxxxxxxxx e venho por este meio enviar o histórico da minha situação e as seguintes reclamações:

Histórico: Devido a vossa ineficácia de sinal na zona da minha residência vi-me obrigada a solicitar o cancelamento dos vossos serviços com justa causa.

Essa justa causa foi-me concebida pelos vossos técnicos depois de inúmeros contactos, tentativas de resolução, horas e horas ao telefone com os vossos serviços, etc ( basta ouvirem as chamadas gravadas que é suposto servirem para estas situações ).

Continuando no histórico, no dia 20 de Janeiro foi confirmado telefonicamente ( mais uma vez chamada gravada ) que o serviço foi cancelado.

Nessa mesma chamada gravada não me foi referido que teria que fazer ou enviar qualquer documento/ carta, apenas que o assunto estava tratado e que eu iria ter o serviço até ser feita a portabilidade para outra operadora.

No final do mês de Janeiro tive o cuidado de ligar ( mais uma vez chamada gravada ) para perguntar o valor e a data da ultima fatura, onde me foi confirmado que após pagar a fatura tudo estaria liquidado. Volto a frisar que ninguém me disse nada sobre ter que enviar uma carta a formalizar o cancelamento.

Hoje dia 21/3 recebo um telefonema dos vossos serviços a questionar que tenho um serviço de telemóvel mas que não tenho nenhum numero associado, mas que estão a continuar a debitar porque o meu serviço está ativo!!

Expliquei a Srª que me ligou toda a situação que não sou vossa cliente porque o serviço foi cancelado e ela por simplesmente “ ignorou” e disse que o serviço estava ativo e que eu teria que ligar para o 16990 opção 4 para solicitar o desligamento.

Eu liguei de imediato para esse serviço mas como hoje é sábado está encerrado esse serviço.

Liguei para o apoio a faturação e disseram-me que de facto hoje foi novamente colocado o serviço ativo mas que iriam solicitar o desligamento até 23 de Março. Que já tinham enviado a informação para a empresa vossa parceira.

Fui a minha conta bancária e verifiquei que vocês debitaram-me uma fatura em Fevereiro ( 12/2 ) de 84,27 euros e Março ( 12/3) de 87,76 euros. Valores indevidos um parcialmente e o outro, o de Março na totalidade.

Questionei a Sra. do apoio a faturação que disse que me iam restituir o dinheiro e que eu deveria ir aos correios enviar a carta a referir que o desligamento foi solicitado / assegurado dia 20 de janeiro.

 A vossa colaboradora referiu também que posso enviar a informação referida acima pela área de cliente mas que as indicações que tem é que ser enviada a carta. Esse é o procedimento.

Referiu ainda que existe nenhum e-mail disponível para tratar destas situações.

 

 

Reclamações:

1 – A ineficácia da vossa informação é abismal. Não informam corretamente as pessoas na esperança de que a pessoa não trate corretamente do cancelamento e mais tarde debitam, colocam custas, etc. Para mim a desinformação deliberada é tentativa de burla.

2- A NOS é uma empresa de comunicação que para contratarmos o seu serviço é fácil, pode-se tratar tudo por telefone e por e-mail. No entanto para cancelar o serviço tem que ser enviada uma carta formal pelos correios.

É inadmissível! Novamente tentativa de burla! O intuito é dificultar ao máximo o cancelamento ainda que válido e com justa causa.

3 – A NOS tem falta de consciência cívica, falta de responsabilidade civil, falta de princípios morais.

À data de hoje estamos a viver um estado de emergência, uma pandemia global e eu para resolver um problema criado por vocês tenho que ir aos correios colocar a minha vida em risco, a vida da minha família e a vida das outras pessoas porque posso estar infetada e infetar o numero incalculável de pessoas com a minha deslocação aos correios para enviar a dita carta a NOS.

É Inadmissível, repugnante, completamente arrepiante o comportamento da vossa empresa perante a nossa sociedade, perante uma situação em que deveriam de dar o exemplo e de agilizar e não, tentam burlar, enganar e dificultar!

Agradeço várias situações:

1 – A restituição do meu dinheiro com a devida explicação dos valores;

2 – Que venham buscar os vossos equipamentos porque não quero nada que não seja meu. No entanto aviso que não vou deixar entrar nenhum técnico em minha casa durante o período deste surto. A solução é entregar os equipamentos a porta da minha casa com hora marcada e respeitando a devida distância social.

Notem: Não vou entregar nenhum equipamento se eu achar que o vosso técnico não está devidamente protegido para o receber.

Não me parece que vocês tenham consciência social nenhuma, tenho receio que também não tenham respeito pela vida/ saúde dos vossos funcionários.

3 – Agradeço que reflitam, que ponderem…… que ganhem consciência social e cívica !!!!!!!!!!!!!!!

Estou revoltada porque eu vou-me defender mas calculo que estejam a fazer isto a pessoas/ famílias que não tem capacidade de se defender adequadamente.

Vergonhoso!!

 

Nota: Este documento devidamente assinado e rubricado segue na vossa área de cliente e segue na próxima 2ª feira dia 23/3/2020 por CARTA!


2 Comentários

Reputação 7
Crachá +6

Bem-vinda ao Fórum NOS @ANA PAULA GOMES SANTOS

Desde já, pedimos desculpa por todo o transtorno causado. 

Vamos ajudá-la com esta situação para que seja resolvida da melhor forma. Pedimos que nos envie uma mensagem privada com o NIF do titular, por favor. Só dessa forma conseguimos salvaguardar os seus dados. 

Obrigada 

Reputação 7
Crachá +2

Faça o pedido ONLINE pela área de cliente...

Comentário