Pergunta

Possível Futuro Cliente Nós


Caros Amigos

Após dois telefonemas para a Nos sem uma resposta técnica consistente, coloco aqui a minha questão:

1 - Em Setembro estou a pensar mudar de operador;

2 - o meu problema não está em “valores” mas sim em infraestruturas/topologias;

3 - Desenvolvo atividade na área de Sistemas e tenho um escritório na minha residência com a seguinte infraestrutura:

3.1 - Recebo o sinal por cabo (docsis3).

3.2 . O vabo que vem do exterior tem um slipter que reparte os serviços para a box, para um modem de telefone e para um “router” do operador.

3.3 - O router do operador está em modo de bridge, estando ligado a um router meu (wired) o qual vai fazer o respetivo NAT (e outras “coisas” que não interessa para a questão).

3.4 - Ou seja, a única funcionalidade do “router do operador” é apenas e só “dar-me” o IP público e tem todas as restantes funcionalidades desligadas (AP, etc etc).

Como na minha zona, a NOS tem o serviço FTTH, coloquei a questão de como seria eventualmente instalado o serviço mantendo a infraestrutura existente, em que:

4 - O “router” da Nos em modo de bridge - não pretendo qualquer funcionalidade do referido a não ser “dar-me” o IP Público

5 - Não sei como a NOS distribui o sinal de TV e Telefone fixo. Se é tudo através do “router” (o qual está ligado à respetiva ont), necessitarei de um segundo “router” do Operador (penso eu).

Estou a tratar disto com calma. Já tive uma resposta “consolidada” de outro operador de fibra que me instala o serviço em conformidade com a minha infraestrutura

Da Parte da Nos, liguei para a comercial Empresas (eu posso optar pela “empresarial” ou pela “normal”) o comercial disse-me que teria de ter uma resposta dos serviços técnicos, passou a chamada para os serviços técnicos e eles dizem-me que estão ali “apenas para resolver questões dos clientes” ??????? (não fui eu que liguei foi o “comercial” que passou a chamada…..)

Liguei para os Comerciais não Empresariais, fui muito simpaticamente atendido pela Fátima e ela referiu-me que iria falar com um “técnico” para me poder dar alternativas,

Por 4 vezes “apareceram” por aqui “comerciais”, coloquei-lhes a questão, disseram-me que “iriam ver” mas até agora nada (a conclusão é que querem a “venda rápida sem chatices”.

Se alguém da “técnica” da Nos me possa responder a esta questão, ficaria muito grato. Caso pretenda o meu contacto telefónico poderei fornecê-lo a pedido

Obrigado

 

 


8 Comentários

Reputação 7
Crachá +2

Quer um conselho??

 

Com toda essa especificidade, e MESMO QUE TENHA FIBRA (FTTH) vá para a Vodafone!

 

(nem vou comentar caso apenas tenha HFC - DOCSIS, que é o mais provável...)

Obrigado pelo teu comentário. mas, vou dar-te a minha opinião:

Eu sou Consultor em TI (sou um VERDADEIRO trabalhador independente, ou seja não “tenho patrões”)

Já tive clientes com NOS, MEO, NOWO e Vodafone e eu cliente NOWO há 21 anos. Relativamente à minha experiência no contacto com serviços técnicos das referidas dou a minha opinião embora subjetiva (o facto de uma situação não “correr bem”, não é motivo para uma avaliação radical negativa, mas apenas uma avaliação negativa - se percebes).

  1. Avaliação na componente Assistência Técnica:
  • A assistência técnica de 1ª linha é genericamente má em todos. O problema é chegar à 2ª linha e flar de “técnico” para “técnico” (quem sabe “umas coisas disto, claro)-
  • Neste aspeto a NOWO/Cabovisão é a melhor (não interessa se tem mais ou menos clientes, etc.). É um Facto. E tem melhorado bastante mesmo na primeira linha, mais que não seja de os “Help-Desks” se aperceberem quando falam com “quem sabe” ou não sabe. Com mais ou menos insistência os problemas têm sido resolvidos (pode demorar tempo).
  • NOS - Um cliente meu rescindiu o contrato  devido a nítida incompetência da 1ª Linha e do respectivo supervisor. Eu tinha concluído “cientificamente” que o problema estava no firmware do “router” e eles ignoraram a situação. Após o cliente rescindir o contrato, é contactado por alguém da Técnica dizendo que a situação tinha sido muito fácil de resolver, “bastava trocar o “router” (descobriram a “pólvora”.
  • NOS - Parte II -  Em relação ao “meu problema” de potencial cliente, obviamente que não vou ser “potencial” mas sim vou esquecer a NOS. Toda a questão que eu tive o cuidado de colocar por diversas vias nunca foi tratada de forma profissional e consistente e até ao momento ninguém me respondeu à questão e uma forma concreta. E eu sei que a questão é fácil de resolver (já a vi implementada em mais três locais/Empresas).
  • MEO - é mais ou menos uma “repartição de finanças” (embora estas estejam muitíssimo melhores). Depende do “help-Desk” que atende. Normalmente as questões resolvem-se mas se te calha um que está apenas a ler o “guia” (“está a fazer o teste com ou sem fios?….e eu tenho o cuidado sempre de referir que não sou propriamente leigo “na matéria”). 
  • Vodafone - não tenho experiência com esta Empresa (aliás não a tenho na minha zona).

Quanto ao meio de comunicação o pessoal ainda não se apercebeu que isso é um pouco de “marketing”.

A Cabovisão foi o primeiro ISP a ter o backbone em fibra. Ter fibra até a casa é “fixe” mas vai depender do sinal que é injetado. Por exemplo se tens fibra e eles te injectam 2 Gb para 10 clientes (o sinal continua ser partilhado) e se os 10 cliente estiverem ligados em simultâneo…..

Havia muito para “falar” acerca disto. Acho engraçado o marketing (“parolo”) que as Empresas utilizam. Agora a moda é a fibra FTTH.

SÓ HÁ DOIS TIPOS DE FIBRA - MULTIMODO E MONOMODO que serão utilizadas de acordo com a distâncias e a diferença é o meio com que é injetado o sinal na fibra (Laser ou Led - isto é tão básico que se aprende em qualquer “cursozeco”).

Ou seja, os ISP continuam a tratar todos os clientes como leigos na matéria, daí as autênticas “barbaridades” na parte da assistência.

Obviamente que, em presença da nítida “competência” que a NOS teve para me responder a uma questão muito fácil de responder e de implementar, não vai ser uma Empresa que vai fazer parte dos “meus fornecedores de serviços”.

Muito obrigado pelo teu conselho

Cumprimentos

José Crispim

 

Reputação 7
Crachá +2

A 1º linha técnica poderia realmente ter tentado ajudar pelo menos.

O telefone vem apenas do router e sinal de TV do ONT para a casa. Tem tambem o cabo de rede do router a box.

Claro

Pois o que eu pretendo (e tenho) é a NET independente de todos os serviços. Tenho um “router” que me “dá internet - ou seja o IP público” e está em modo de bridge. A minha rede privada é gerida com os meus equipamentos próprios (Router, Access Point, switch, etc etc

Ou seja, a partir do equipamento do Operador “ele” não entra em mais nada (por isso se chama rede privada). E obviamente que uma rede privada não é para ser gerida com equipamentos do ISP (tal como em todas as Empresas)

Obrigado

 

Reputação 7
Crachá +2

Claro

Pois o que eu pretendo (e tenho) é a NET independente de todos os serviços. Tenho um “router” que me “dá internet - ou seja o IP público” e está em modo de bridge. A minha rede privada é gerida com os meus equipamentos próprios (Router, Access Point, switch, etc etc

Ou seja, a partir do equipamento do Operador “ele” não entra em mais nada (por isso se chama rede privada). E obviamente que uma rede privada não é para ser gerida com equipamentos do ISP (tal como em todas as Empresas)

Obrigado

 

Vamos lá então às suas dúvidas (LIGAÇÃO HFC DOCSIS)

 

Router 4 DOCSIS ou ROUTER 5 DOCSIS (existem neste momento DUAS versões do ROUTER 5 DOCSIS: https://forum.nos.pt/novidades-16/conheca-os-giga-routers-18880). A V1 - modelo redondo - está cheio de problemas… mas se estiver em MODO BRIDGE vai dar tudo ao mesmo! :D

 

Que eu saiba, todos os routers da NOS permitem o funcionamento em BRIDGE. Haviam relatos do modo bridge do ROUTER 5 v1 estar limitado, mas parece que eram infundados, já confirmei que há utilizadores que não têm qualquer limite de 100Mbits na ligação: https://forum.nos.pt/utilizar-a-internet-fixa-e-movel-4/giga-router-5-0-limitado-em-modo-bridge-13150

 

Portanto… independentemente do que quer fazer, terá sempre a ligação até ao MODEM (neste caso não fará mais nada do que ser MODEM) e a partir daí o controle é seu, com o ROUTER que quiser e a rede que quiser…

 

No que toca ao telefone FIXO, penso que não há forma de controlar o telefone fixo LIGADO de forma nativa ao ROUTER em MODO BRIDGE, pelo que a solução terá de ser um sistema VOIP (será que a NOS fornece os dados para que possa estar ligado ao sistema deles???), e diga-se, no caso do ROUTER 5 v1, um sistema VOIP só funciona com o router em BRIDGE, o que é SURREAL (eu já usei um sistema voip da LINKSYS em casa, ligado a uma porta LAN do router, mas nessa altura tinha o ZON HUB - que saudades!!!) https://forum.nos.pt/utilizar-a-internet-fixa-e-movel-4/troquei-para-router-5-e-fiquei-sem-o-voip-alguem-sabe-corrigir-14759

 

Como configurar telefones e soluçoes VOIP nos Novos Routers v5.0 da NOS https://forum.nos.pt/configurar-o-telefone-fixo-35/como-configurar-telefones-e-solucoes-voip-nos-novos-routers-v5-0-da-nos-15063

 

Espero ter ajudado!

 

NOTA: isto só mesmo na NOS e com equipamentos repletos de problemas… conheço empresas que têm servidor dentro de portas, sistemas VOIP internos, etc etc, e usam o ROUTER NATIVO fornecido pela VODAFONE, 24 horas por dia, sem falhas!!!

Obrigado Marco mas… “eu não tenho duvidas” .

Apenas pretendo saber que solução a NOS me apresenta para eu gerir a minha infraestrutura de rede de forma independente dos equipamentos do operador. E dei o exemplo do que tenho anualmente.

E na minha zona o serviço é de Fibra (Tanto na NOS como na MEO).

Obrigado

Reputação 7
Crachá +2

Obrigado Marco mas… “eu não tenho duvidas” .

Apenas pretendo saber que solução a NOS me apresenta para eu gerir a minha infraestrutura de rede de forma independente dos equipamentos do operador. E dei o exemplo do que tenho anualmente.

E na minha zona o serviço é de Fibra (Tanto na NOS como na MEO).

Obrigado

 

Mas a solução é simples… é colocar o ROUTER em BRIDGE… não estou a perceber a dúvida...

Descobristes “a pólvora”!!!! (eheheh)

Mas eu não sei o que está ligado ao Router quando o serviço é de fibra.

Se coloco o router em bridge, nada mais pode ser ligado ao Router ele fica a funcionar apenas como “modem”. E é isso que eu tenho actualmente e quero manter. Mas eu tenho os serviços todos repartidos - o tal “router em bridge”, um mta para o telefone e um spliter que reparte para a box.

A minha única dúvida é não conhecer a topologia da NOS (mas eu não sou  “leigo” em redes, “sei umas coisas”).

Afinal como é a topologia?

A fibra vem da rua para casa do cliente e é ligada a um ont que vai repartir o sinal por cabo

Um dos cabos irá para a box e o resto? (teoricamente vai para o router a net e o telefone).

Ou estou errado?

Obrigado pela tua paciência.

Se quiseres posso falar contigo por telefone que é mais fácil (não tenho quaisquer problemas em colocar o meu número aqui se quiseres)

Isto porque além de seres a única resposta, parece-me que “sabes umas coisas disto”

Um abraço

 

 

Comentário