reclamação alterações contratuais

  • 25 Setembro 2017
  • 1 comentário
  • 10407 visualizações

Exmo senhores,
No dia 28 do mês de Agosto do corrente ano, recebi um telefonema do número 211583188, onde se identificaram com pertencentes a área vendas da empresa NOS e que gostariam de apresentar um produto.
Em conversa com uma senhora da referida área, ficou acordado que não era o melhor momento para se tratar do assunto e ficou desde logo marcado para o dia seguinte nova conversa telefónica.
No dia 29 de Agosto, pelas 15:13, recebi novamente uma chamada do número acima descrito, onde durante 47 minutos e 20 segundos, ficou contratado um serviço de fibra e a portabilidade do meu número de contacto fixo para a vossa empresa.
Nessa mesma chamada ficou ainda agendado a instalação para o a semana a seguir, visto que o proprietário da habitação encontrava-se de férias até ao dia 10 de setembro e que depois tinha que se ausentar do país.
A resposta foi que não haveria nenhum problema em o proprietário não se encontrar na residência no dia da instalação, já que o mesmo não ia de assinar nenhum contrato, pois o mesmo tinha sido efetuado via telefone e não carecia de nenhuma assinatura.
Foi informado que no dia da instalação alguém teria de abrir a porta aos técnicos e que depois iria assinar uma folha sobre a instalação, sem grande importância e que poderia ser uma pessoa qualquer.
De realçar que durante essa chamada, no final falei com a área técnica dos serviços NOS, onde ficou confirmado a instalação.
Nesse mesmo dia recebi nova chamada telefónica a informar que a instalação passou para o dia 15 de setembro de 2017, por causa de ordens técnicas, onde desde logo mostrei o meu desagrado, visto que no dia 10 iria regressar ao estrangeiro e já tinha marcado as viagens.
Foi dito pelos serviços técnicos que só podia ser nesse dia, visto estarem a decorrer trabalhos na zona.
Recebi igualmente um email com data de 29 de Agosto de 2017, de Clara Vital dos serviços de Venda que em anexo seguia o documento de confirmação de compra, nº de pedido 1-XXXXXXXXXXXX, nº cliente CXXXXXXXXX, nº conta serviço SXXXXXXXXX, com a identificação do cliente, o serviço contratado e preço a pagar por mensalidade e a informar que a instalação só iria acontecer no dia 15 de setembro entre as 18:30 e as 21:00.
Perante esta situação, tive de desmarcar a viagem e aguardar a chegada dos técnicos para instalação do serviço.
No dia 6 de setembro de 2017, pelas 18:38, recebi uma chamada da área técnica nº 219016994, onde me informaram que afinal já não ia haver instalação, visto que os técnicos tinham-se deslocado ao local e verificado que não havia viabilidade do serviço.
Que para mais informações teria de entrar em contacto o apoio a cliente através do da linha disponível.
Nesse momento demonstrei o meu profundo desagrado com a situação e que não iria ligar para ninguém visto que o problema não tinha sido meu.
No dia 7 de setembro de 2017, foi contactado através do número 211583188, onde me questionaram o que se estava a passar! Respondi que não sabia e contei o sucedido.
Então foi-me dito que havia contradições, no que me foi transmitido por parte da área técnica e o departamento de vendas, foi novamente feito o teste de viabilidade do serviço e confirmado que no local da habitação há fibra, que dentro de 24 horas me dava notícias sobre o assunto.
No dia 8 setembro, pelas 16:09, foi contactado pelo número 211583188, onde foi informado que no local há fibra que o serviço pode ser instalado, havendo só um pequeno problema. A instalação ia passar para o dia 26 de Setembro, visto que no local estariam a decorrer trabalhos e não podia ser antes dessa data.
Perante esta situação, já depois de terem confirmado que poderiam instalar o serviço, foi-me dito que do dia 26 de Setembro entre as 9:30 e as 12:00 os técnicos iam deslocar-se à habitação para efetuar a instalação do serviço contratado.
Mais uma vez, cancelamento de viagem, marcação de nova data e alargamento da permanência em território nacional, esgotando assim as minhas férias que eram para ser gozadas com a minha família.
Recebi então um novo email de 08 de Setembro de 2017, titulo confirmação da sua encomenda, em anexo seguia o documento de confirmação de compra, nº de pedido 1-XXXXXXXXXXX, nº cliente CXXXXXXXXX, nº conta serviço SXXXXXXXXX, com a identificação do cliente, o serviço contratado e preço a pagar por mensalidade e a informar que a instalação só iria acontecer no dia 26 de setembro entre as 9:30 e as 12:00.
No dia 20 de Setembro, pelas 15:19, recebo uma chamada do número 219016994, identificando-se com Catarina da área técnica, onde foi informado que devido a impossibilidade de instalação do serviço contratado o mesmo ficava sem efeito e para melhor informação ou duvidas falar com apoio ao cliente.
Mais uma vez, ora dá ora não dá, demonstrei o meu profundo desagrado, o que se estava a passar só podia ser brincadeira de não gosto e que já tinham um enorme prejuízo não só monetariamente.
Foi novamente dito pela referida senhora, que os técnicos tinham estado no local e verificaram que não havia viabilidade para a instalação do produto, para tirar duvidas falar com apoio ao cliente.
Como ainda não chegava despesas e o prejuízo, no dia 20 setembro, pelas 15:56, tive de contactar com o 16990, para obter mais informações sobre a situação e como era possível resolver.
Nesse mesmo telefonema foi dito que não estavam ao corrente da situação, que iram verificar o que se estava a passar e assim que tivessem uma resposta iriam contactar-me.
No dia 25 do mês de Setembro de 2017, foi contactado pelo número 211543583, pelas 10:19, onde fui informado que não era possível efetuara a instalação do serviço contratado, visto que os técnicos estiveram no local e transmitiram que não havia viabilidade para instalação, que o contrato já tinha sido cancelado por parte da NOS no dia 22 de setembro de 2017 e que não poderiam fazer mais nada em relação ao assunto.
Questionei então quando é que os técnicos estiveram no local, visto que nunca fui contactado por ninguém para verificar se no interior do prédio existe fibra ou não? Como podem afirmar que no interior da habitação não há fibra? Como é possível cancelarem um contrato sem dizerem nada ao cliente? Como é que vou reaver o dinheiro das viagens canceladas? Como é que vou reaver o dinheiro perdido durante estes dias em que tive de estar aqui à espera de algo que não existe e que é vendido por alguém que não sabe o que esta a fazer.
Simplesmente recebi a resposta não sei…
Desde já agradeço todo o desrespeito que a NOS teve comigo…
Meus caros senhores é fácil vender o mais difícil é terem a consciência dos erros que fazem e responsabilizarem-se pelo mesmos.
Credibilidade zero, confiança zero, é assim que a vossa empresa deixa os clientes, depois de prometerem mundos e fundos.

1 Comentário

Reputação 7
Crachá +2
Olá, Pedropgvr, bem-vindo ao Fórum NOS.

Lamentamos a situação que reporta. Para podermos ajudá-lo é necessário um acompanhamento individual, por isso sugerimos que nos ligue. Saiba aqui quais as linhas de apoio disponíveis. Se já entrou em contacto connosco, e caso exista alguma ação de resolução a decorrer, sugerimos que aguarde pelo nosso contacto.

Comentário